Osteria Al Centro – Da Carletto, em Arcugnano, sublime simplicidade; Por Clara Favilla

08/02/2015 07h07m. Atualizado em 08/02/2015 09h16m

CompartilheShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on FacebookShare on RedditShare on VK

A vantagem de se passar mais que uns dias na mesma cidade, ou mesmo nela fincar pé, como na minha temporada de 2013, em Vicenza, Veneto, em pleno verão italiano, é poder conhecer seus arredores. E, num domingo, ainda sendo dia claro, mesmo com a chegada da noite, resolvemos fazer um passeio de carro de até o Lago Fimon, nos arredores de Arcugnano. Como em tantas outras, pequenas ou grandes, o centro da comuna fica na parte alta, no topo da colina, mas o casario escorrega-se para o vale, dando-lhe peculiar encanto.

Já bem perto do lago, a fome falou mais alto e resolvemos conhecer um dos lugares mais queridos por lá: a OSTERIA AL CENTRO – Da Carletto. Osteria é a forma mais simples de um estabelecimento que serve refeições. E o nome que traz no letreiro é o da pessoa que atende às mesas ou de quem está na cozinha. O estacionamento bem visível, à esquerda da estradinha, facilitou nossa parada. O sólido sobrado, mesmo decrépito, iluminado suavemente pela lua quase cheia, destacava-se, à direita, bem em frente. Carletto, artista plástico, nunca cobrirá de tinta o trabalho do tempo. O exterior é pura decadência das mais poéticas. O interior, pleno de cores e harmonia contemporânea.

carletto (1)

Carletto, autorretrato

 

Logo na entrada, um tronco morto de uma velhíssima árvore, a criação em sua glória quase fóssil. O lugar é sublime em sua simplicidade: área verde e aberta para acolher os passantes no verão e aconchego na área interna, se inverno. Ambas plenas de charme e personalidade. Nas paredes, quadros do artista que faz parte da turma que parece sempre recém-chegada de Woodstock, a pé. Carletto é ajudado, no atendimento aos clientes,por uma senhora não muito afeita a sorrisos, mas de fisionomia doce. Os dois também revezavam-se na cozinha. O cardápio dos mais simples nem existe escrito: tábuas de queijos e embutidos, paninis e brusquetas. A Osteria tem página no FaceBook, onde pode ser conferida sua programação musical ao vivo.

Dizem que Carletto costuma resmungar quando um homem pede cerveja do tipo suave. Ranzinza, é dado a implicâncias. Mas, para nossa decepção apenas nos serviu a bebida sem reclamar da nossa escolha. Ótimo! Mas a senhora, ao anotar nossos pedidos apenas disse que as bruschettas da casa são sempre boas e variadas, cobertas com o disponível no dia. Não mostrou nenhuma vontade de enumerar os ingredientes. Pedimos uma tábua de queijos e embutidos, também não discriminados previamente, e brusquetas, confiantes de tudo seria bom porque estávamos acompanhadas de um avalista da casa. É stata una bella serata!

Clara Favilla

Clara Favilla é jornalista. "Mais do que conhecer novos lugares, amo retornar. Reportariar é meu ofício. Vivo viajando, até pela quadra onde moro, em Brasília. Escreverei sobre viagens aqui. Serão impressões pessoais,mais do que guias. Espero que gostem, deem retorno e sugestões."

1 Comentário para "Osteria Al Centro - Da Carletto, em Arcugnano, sublime simplicidade; Por Clara Favilla"

Comente

O autor do blog não se responsabiliza pelo comentário.