Aquecimento global pode agravar pobreza no mundo

24/11/2014 21h49m. Atualizado em 10/12/2014 23h08m

CompartilheShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on FacebookShare on RedditShare on VK

A pobreza no mundo pode se agravar substancialmente com o aquecimento global – caso o resultado seja à destruição de cultivos agrícolas, avaliou o Banco Mundial neste domingo (24).
A instituição alerta também que é necessária uma forte ação da sociedade global para conter o aquecimento. O ano de 2014, segundo especialistas, pode ser o mais quente da história.
Segundo o Banco Mundial, um cenário de aumento médio da temperatura do planeta de 4ºC levaria a uma “nova ordem climática”. E faz um chamado especial para três regiões: América Latina, Oriente Médio e Europa Oriental. O cultivo de soja nesse pior cenário, por exemplo, pode cair até 70% no Brasil.
Muitas das regiões mais pobres do mundo estão entre as mais vulneráveis à mudança climática intensa. A área de agricultura do mundo tende a diminuir significativamente em um cenário de aquecimento desse nível, diminuindo a oferta de alimentos e aumentando o seu preços. Consequências dessa natureza fortalecessem a hipótese de que a mudança climática aumentaria a pobreza mundial. Portanto, no século XXI, o combate à pobreza só terá êxito se for acompanhado pelo combate à mudança climática.

Matheus Leitão

Matheus Leitão é jornalista há 15 anos. Em sua carreira, passou pelas redações do Correio Braziliense, revista Época, portal iG e Folha de S.Paulo. Matheus recebeu o Prêmio Esso por duas vezes, o Troféu Barbosa Lima Sobrinho -- além de menção honrosa no Vladimir Herzog. Entre 2011 e 2012, esteve na Universidade de Berkeley, na California, como Visiting Scholar.

    Comente

    O autor do blog não se responsabiliza pelo comentário.