Recusa de Trabuco, lucros em baixa e escândalo da Petrobras são os temas dos jornais nesta sexta (21)

21/11/2014 08h15m. Atualizado em 21/11/2014 11h39m

CompartilheShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on FacebookShare on RedditShare on VK

A recusa de Luiz Carlos Trabuco, presidente do Bradesco, após receber convite da presidente Dilma Rousseff para ministro da Fazenda está nas primeiras páginas dos jornais como Valor, O Globo, Estadão nesta sexta-feira (21). Na Folha é a manchete. No complemento da notícia: Dilma se reuniu com o ex-secretário executivo do Ministério Nelson Barbosa, o ex-secretário do Tesouro Joaquim Levy e o presidente do BC Alexandre Tombini. Eles continuam na bolsa de apostas e a informação unânime é que o nome está para sair.
A manchete do Valor é que economia fraca e dólar alto estão derrubando os lucros. Notícia do Estadão na economia é que a Petrobras, sem balanço, vai perder a janela de oportunidade nas captações internacionais que se abre sempre no começo do ano.
A operação Lava Jato continua atraindo mais atenção. Na manchete do Globo, a informação de que o total bloqueado (R$ 42,9 milhões) nas contas dos investigados da operação Lava Jato é apenas 7% do estimados pela Polícia Federal.
O Estado de S.Paulo informa que a Justiça Federal vai agora procurar contas dos investigados nos bancos da Suíça, Holanda, Alemanha, China, EUA, Canadá e Peru.
A notícia internacional mais destacada dos jornais é o decreto do presidente Barack Obama favorecendo 5 milhões de imigrantes. Essa notícia já foi dada e analisada aqui no blog dias atrás. Vai ser um grande ponto de atrito com os republicanos que agora controlam as duas casas do Congresso. Mas Obama usou o instrumento do decreto exatamente pelo previsível bloqueio.
A morte do ex-ministro da Justiça Marcio Thomaz Bastos está também nas primeiras páginas em fotos da família com a presidente Dilma.

Matheus Leitão

Matheus Leitão é jornalista há 15 anos. Em sua carreira, passou pelas redações do Correio Braziliense, revista Época, portal iG e Folha de S.Paulo. Matheus recebeu o Prêmio Esso por duas vezes, o Troféu Barbosa Lima Sobrinho -- além de menção honrosa no Vladimir Herzog. Entre 2011 e 2012, esteve na Universidade de Berkeley, na California, como Visiting Scholar.

    Comente

    O autor do blog não se responsabiliza pelo comentário.