Até escritor Fernando Morais pode substituir Marta no Ministério da Cultura

12/11/2014 10h21m. Atualizado em 12/11/2014 10h21m

CompartilheShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on FacebookShare on RedditShare on VK

Marta Suplicy não quis mais, mas tem quem quer. Uma fila de gente está cotada para substituir a petista na titularidade do Ministério da Cultura. O favorito é Juca Ferreira, que já foi ministro no governo Lula, trabalhou na campanha de Dilma Rousseff e atualmente é secretário do prefeito de São Paulo, Fernando Haddad.
Mas outros nomes também correm nos bastidores. O presidente do Instituto Brasileiro de Museus, Ângelo Oswaldo de Araújo Santos, e o presidente da Ancine, Manoel Rangel, querem o posto.
Na coluna do Ancelmo, desta terça (11), apareceu no banco de apostas o nome de Fernando Morais como cotado à ministro. O escritor é muito próximo ao PT. Ele está escrevendo um relato sobre a vida de Lula, desde sua prisão, em 1980, até o fim de seu segundo mandato, em 2010. A resistência ao cargo, parte dele.
Lula teria sugerido à Dilma que substituísse Marta Suplicy por Sarney. Mas as chances foram ao ar depois que a TV Amapá divulgou vídeo de seu voto no segundo turno para o candidato Aécio Neves.
Com a pasta sem titular, a presidente Dilma Rousseff deve pensar nessas possibilidades durante as várias horas de vôo na volta da reunião do G20, na Austrália.

Matheus Leitão

Matheus Leitão é jornalista há 15 anos. Em sua carreira, passou pelas redações do Correio Braziliense, revista Época, portal iG e Folha de S.Paulo. Matheus recebeu o Prêmio Esso por duas vezes, o Troféu Barbosa Lima Sobrinho -- além de menção honrosa no Vladimir Herzog. Entre 2011 e 2012, esteve na Universidade de Berkeley, na California, como Visiting Scholar.

    Comente

    O autor do blog não se responsabiliza pelo comentário.