Sérgio Abranches

Sérgio Abranches

Sérgio Abranches é cientista político, comentarista da CBN e colaborador do blog.

Posts by Sérgio Abranches 23 results

Obama e Castro dominam a Cúpula das Américas; Por Sérgio Abranches

A cúpula das Américas que se encerrou neste sábado (11), no Panamá, com a histórica reunião entre Back Obama e Raul Castro, marcando a aproximação entre EUA e Cuba, tem várias razões para entrar para a história. Foi a primeira reunião de dirigentes americanos, em que todos os países da América estiveram reunidos, com a participação ...

EUA–Irã: Um acordo para negociar; Por Sérgio Abranches

O acordo alinhavado em Lausanne, na Suíça, com o Irã, esta semana, sob liderança dos Estados Unidos no P5+1 (EUA, França, Alemanha, Reino Unido, Rússia e China) é uma complexa e controvertida peça de diplomacia multilateral e geopolítica global, que envolve poderosas e contraditórias forças com interesses no Oriente Médio. O mais ...

Um caso de avanço democrático e sucesso socioeconômico; Por Sérgio Abranches

Quando em 29 de agosto de 2013, a Suprema Corte decidiu, em um longo e rumoroso julgamento, que as eleições presidenciais haviam sido corretas, rejeitando a denúncia de fraude do candidato derrotado da oposição, a democracia de Gana deu um grande passo rumo à estabilidade durável. Desde o fim do ciclo de golpes militares, entre 1966 e 1981, ...

A derrocada autoritária da Venezuela; Por Sérgio Abranches

Nicolás Maduro acaba de dar mais um passo rumo à instalação de uma ditadura pessoal, ultrapassada, aos moldes do velho caudilhismo latino-americano. Apela agora para o artifício típico dos pequenos e grandes déspotas para apertar o torniquete contra os opositores que aumentam, inexoravelmente, com o desmando e o colapso econômico e social. ...

A crise política no presidencialismo que deveria ser de coalizão; Por Sérgio Abranches

A coalizão governista está irremediavelmente fraturada. Nenhum remendo pode salvá-la. Só a mudança profunda na relação entre a presidente e os partidos que a apoiavam, para recontratar a aliança em novas bases. Implicaria em reduzir significativamente a presença do PT e aumentar a participação dos demais partidos. Isso exigiria uma ...

Rio você foi feito prá mim; Por Sérgio Abranches

Embarquei no primeiro vôo de avião de minha vida em Brasília, rumo ao Rio de Janeiro, ao 12 anos de idade, com meu pai. O aparelho era, se a memória não me trai, um Convair da Varig. Quando a porta do avião abriu e desci a escada, senti o abraço repentino do seu calor úmido e o cheiro de maresia, que ficou para sempre gravado no olfato de ...

Acordo da Eurozona com a Grécia revela preconceito e desconfiança; Por Sérgio Abranches

A Grécia e a Eurozona fecharam acordo às pressas, na sexta-feira (20), estendendo por 4 meses o austero programa de resgate financeiro. Nesse prazo os gregos tentarão formular um plano de reestruturação de sua dívida e caminhos alternativos para manter o superávit fiscal. Os mercados comemoraram. Os negociadores, entretanto, foram comedid...

O cessar fogo na Ucrânia: não mais que uma faísca de esperança; Por Sérgio Abranches

Quando Angela Merkel, François Hollande, Vladimir Putin e Petro Poroshenko assinaram o segundo cessar fogo de Minsk, nesta capital de Belarus, que entrou em vigor à zero hora deste domingo (15), a Europa apareceu como protagonista ativa em um explosivo conflito internacional, com o objetivo de bloquear o curso de ação favorecido pelos Estados ...

O desafio europeu em um mundo instável; Por Sérgio Abranches

O quadro internacional é muito instável e a instabilidade tende a aumentar. Há muita volatilidade geopolítica. As desigualdades estão aumentando entre nações e dentro delas. Eventos extremos, de toda espécie, estão mais frequentes. O potencial de conflito político está em elevação em todos os países, como indicam as explosões de ...

Grécia precisa da Europa; Por Sérgio Abranches

Quando o recém-empossado primeiro-ministro da Grécia, Alexis Tsipras (foto), nomeou uma equipe econômica capaz de enfrentar o déficit público, reconheceu que a moratória, seria pior para seu país, do que para a Europa. Suas primeiras atitudes mostram que sua agressiva campanha contra a austeridade será calibrada pelo realismo, sem abrir ...