“Chuva de meteoros” do cometa Halley pode ser vista no Brasil até novembro

25/10/2014 10h32m. Atualizado em 10/12/2014 23h53m

CompartilheShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on FacebookShare on RedditShare on VK

Fenômeno causado pelo encontro da órbita da Terra com área do espaço com detritos do cometa Halley, “chuva de meteoros” Orionídeas poderá ser vista no Brasil até novembro.
Com o início em 2 de outubro, o fenômeno científico continuará até o próximo 7 de novembro. De acordo com a Nasa, Agência Especial Americana, a “chuva” pode ser vista nos dois hemisférios e não é necessário o uso de telescópios.
A Nasa informou que as regiões do interior, afastadas das luzes das grandes cidades, serão as regiões com a melhor visibilidade. O melhor horário para ver os meteoros é ao amanhecer.
Na década de 80, a imagem do próprio cometa Halley foi um dos eventos científicos aguardados e emocionou crianças por todo o Brasil.

Matheus Leitão

Matheus Leitão é jornalista há 15 anos. Em sua carreira, passou pelas redações do Correio Braziliense, revista Época, portal iG e Folha de S.Paulo. Matheus recebeu o Prêmio Esso por duas vezes, o Troféu Barbosa Lima Sobrinho -- além de menção honrosa no Vladimir Herzog. Entre 2011 e 2012, esteve na Universidade de Berkeley, na California, como Visiting Scholar.