Marina Silva: “Das ruas vem sempre o alerta”

14/03/2015 23h40m. Atualizado em 17/03/2015 08h08m

CompartilheShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on FacebookShare on RedditShare on VK

Terceira colocada nas duas últimas eleições presidenciais, a ex-ministra do Meio Ambiente e ex-senadora Marina Silva afirmou neste sábado (14) que “das ruas vem sempre o alerta”.

A afirmação acontece um dia antes dos protestos marcados para este domingo (15). Monitorados pelos serviços de inteligência do governo, as manifestações estão sendo previstas assim: com “grande adesão” da população favorável ao impeachment de Dilma Rousseff.

“Há uma campanha pedindo o impeachment da presidente que foi eleita há poucos meses. Compreendo a indignação e a revolta, mas não acredito que essa seja a solução. Talvez o resultado não seja o pretendido retorno à ordem, mas um aprofundamento do caos”, defendeu Marina em artigo publicado na sua página na internet.

Apesar de se posicionar contra um processo de cassação de Dilma, a ex-ministra explicou ser a favor das manifestações frente as crises políticas e econômicas atuais. “A melhor energia para essa melhora é e sempre será a manifestação da sociedade, pacífica mas indignada, contra tudo que ameaça a honra de seu passado, a dignidade de seu presente e a esperança de seu futuro”, disse.

Marina fez as declarações mesmo após ser vítima, durante as eleições de 2014, de uma campanha mentirosa de difamação, especialmente pela campanha da própria Dilma.

“O respeito à democracia nos ensina a dar um prazo inicial a todo governo eleito, para que diga a que veio. Sinto que isso vale também quando o escolhido – ou guiado pelas estrelas – recebe da sociedade a cômoda ou incômoda tarefa de suceder a si mesmo”.

Matheus Leitão

Matheus Leitão é jornalista há 15 anos. Em sua carreira, passou pelas redações do Correio Braziliense, revista Época, portal iG e Folha de S.Paulo. Matheus recebeu o Prêmio Esso por duas vezes, o Troféu Barbosa Lima Sobrinho -- além de menção honrosa no Vladimir Herzog. Entre 2011 e 2012, esteve na Universidade de Berkeley, na California, como Visiting Scholar.

1 Comentário para "Marina Silva: "Das ruas vem sempre o alerta""

  • taty 15-03-2015 (8:23 am)

    Ilma: Sra.. Marina Silva, o que senhora faria se estivesse no poder, iriar gastar dinheiro com estádios, emprestar dinheiro pra outros paises, aumentaria os combustiveis, luz, os impostos, etc. isso esta acontecendo, se o dinheiro fosse da presidente Dilma ela poderia gastar no que ela quisesse; mas não é dela, é muto facil dar o que não é seu. A saude publica um caos, escola publica ensino de má qualidade, pessoas com má vontade pra trabalhar, mas não podem fazer nada, porque é funcionário publico. Leis mas regidas deveriam ser aplicadas com todo funcionário publico, que não tratasse bem o povo, não quer trabalhar com amor pelo povo, manda embora por justa causa, sem direito a multa recisoria de 40%. e contrata outro, funcionário publico é funcionário do povo, para o povo ,e pelo povo, por amos ao povo, essa deveria ser a maneira de se contratar um funcionário público, – FUNCIONÁRIO PUBLICO TEU PATRÃO ÉO POVO, SE VC MALTRATA- LO SERA DEMITIDO SEM DIREITO AL GUM, CASO SEJA COMPROVADO, se usar o dinheiro publico de forma errada perderia seus direitos politicos pra sempre. penso que deveria ser assim, mas acredito que a ilma sra. Marina teria uma soluçao a favor do povo e não contra o povo.

Comente

O autor do blog não se responsabiliza pelo comentário.