Vaias e panelaços contra o pronunciamento de Dilma. Nos jornais desta segunda (9)

09/03/2015 08h49m. Atualizado em 10/03/2015 08h03m

CompartilheShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on FacebookShare on RedditShare on VK

O panelaço, as vaias na internet e das janelas das residências à presidente Dilma Rousseff estão nas manchetes dos principais jornais desta segunda (9). “Fala de Dilma na TV gera panelaço em 12 capitais”, diz a Folha de S. Paulo. “Dilma vai à TV defender ajuste e fala é recebida com panelaço” é a manchete do Estado de S.Paulo. Já manchete do O Globo é: “Na TV, Dilma defende ajustes; nas ruas, panelaço”.

Os jornais relatam as manifestações que ocorreram em várias capitais durante pronunciamento de Dilma. Foi uma onda de som, luzes e buzinas de desaprovação reproduzida também nas redes sociais.

Segundo a Folha, os manifestantes esperam reunir 100 mil em protesto no dia 15. Segundo o Estado, “Congresso deve ampliar pressão sobre governo”. A divulgação da lista de políticos acusados de envolvimento na Lava Jato pode ser o detonador de novas derrotas em votação no Congresso. O Valor Econômico também traz matéria na primeira com esse mesmo ângulo: “Lava-Jato deve reforçar rebeldia no Congresso”. Segundo O Globo, “MP vai apurar se houve doação ilegal ao PT”. Isso porque a Procuradoria incluiu no inquérito de formação de quadrilha, o tesoureiro do PT, João Vaccari, para investigat suspeita de doação ilegal para o partido. A Associação Nacional dos Procuradores da República anunciou “apoio irrestrito” ao trabalho do PGR, Rodrigo Janot, e à investigação dos políticos.

O Globo informa também que renda das famílias deve sofrer queda real de até 5% ao ano. Outros destaques dos jornais: o secretário de segurança do Rio, José Mariano Beltrame, formou um núcleo com policiais federais, militares e civis para investigar crimes transnacionais como tráfico de armas e drogas. A proposta foi apresentada ao ministro da Justiça; A Polícia Federal está investigando compra de votos no Amazonas pelo governador reeleito José Mello de Oliveira do PROS.

Matheus Leitão

Matheus Leitão é jornalista há 15 anos. Em sua carreira, passou pelas redações do Correio Braziliense, revista Época, portal iG e Folha de S.Paulo. Matheus recebeu o Prêmio Esso por duas vezes, o Troféu Barbosa Lima Sobrinho -- além de menção honrosa no Vladimir Herzog. Entre 2011 e 2012, esteve na Universidade de Berkeley, na California, como Visiting Scholar.

    Comente

    O autor do blog não se responsabiliza pelo comentário.