Como o filme “De volta para o futuro II” adiantou as tecnologias que usamos hoje

05/01/2015 09h18m. Atualizado em 08/01/2015 08h53m

CompartilheShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on FacebookShare on RedditShare on VK

Há 26 anos estreava o filme “De volta para o futuro II”, chamado de utópico por muitos críticos, mas que adiantou grandes tecnologias que usamos hoje. Ninguém poderia imaginar que aquele filme se aproximaria tanto da nossa realidade em 2015. Confira, a seguir, os principais acertos do filme e as invenções que já estamos usando.

Tecnologias que “vestimos”

É cada vez mais comum o uso de aparelhos que nos acompanham por onde andamos. 2015 será, provavelmente, o ano da Apple e de seu relógio conectado ao celular, mas a ideia de “vestir” uma tecnologia já existe há alguns anos. Em 2011, por exemplo, a Nike lançou o rastreador pessoal Fit Bit Ultra, uma pulseira capaz de medir as atividades diárias do usuário, como distância percorrida em caminhadas, calorias gastas, e outras taxas para auxiliar no cuidado com a saúde. No filme “De volta para o futuro II”, os personagens usam aparelhos nos pulsos, muito parecidos com os que vemos hoje em dia. Os futuros filhos de Marty usam fones de ouvido na mesa de jantar e conseguem fazer ligações e receber chamadas por meio desses fones.

As TVs de tela plana

Na casa dos McFly há uma televisão enorme onde Marty Jr. pode ver vários canais ao mesmo tempo. Essa tecnologia já está disponível pra nós. O Xbox One, por exemplo, permite que um canal de TV esteja em execução, ao mesmo tempo em que você joga seu videogame.

Chamadas em vídeo

Hoje é comum ver uma das cenas que, no filme, parecia improvável de se tornar realidade. Muitos aplicativos foram criados para possibilitar as chamadas em vídeo. Por meio do Skype, já podemos fazer ligações e falar com pessoas que estão distantes pelo celular, pelo computador ou pela TV.

Biometria

Em “De volta para o futuro II”, Biff paga uma corrida de táxi usando apenas sua digital. Por mais que ainda não tenhamos essa facilidade, já é possível usar as digitais em várias ocasiões do dia-a-dia. Em 2013, a Apple incluiu a digitalização de impressões digitais para que o usuário tenha acesso ao Iphone 5S. Já em 2014, a empresa lançou o Apple Pay, capaz de realizar pagamentos usando a impressão digital por meio de cartões armazenados no Iphone 6.

A invasão do 3D

No filme, Marty McFly (Michael J. Fox) quase enlouquece quando um tubarão em 3D pula para fora da tela de cinema e aparece tentando pegá-lo. Aquele era apenas um anúncio, mas hoje temos TVs, filmes e sistemas de videogame em 3D que se aproximam muito da ideia daquele tubarão.

Drones

Ainda não conseguimos fabricar um repórter robô que faça a cobertura de grandes matérias jornalísticas, mas já temos aviões não tripulados capazes de gravar vídeos e entrar em locais inacessíveis para os seres humanos.

Programação residencial

Em uma das cenas do filme, Jennifer é escoltada pela polícia até sua casa. No local, os policiais mencionam que ela deveria ter luzes programadas para acender assim que ela chegasse em casa. Em 2011, o Google fez uma parceria com a Nest, fabricante de alarmes de fumaça inteligentes e termostatos, capaz de conectar os sistemas de aquecimento, de iluminação e eletrodomésticos dentro da mesma casa.

O famoso tênis de Marty

Em um exemplo perfeito da vida imitando a arte, a Nike lançou uma versão limitada do tênis usado por Marty em “De volta para o futuro II”. Os chamados Nike Air Mags foram lançados em 2011, mas só havia 1,5 mil pares disponíveis. O objetivo da empresa, em 2015, é lançar novamente o modelo que, dessa vez, terá uma das grandes inovações mostradas pelo filme: a capacidade de se ajustar sozinho ao pé.

O skate hoverboard

Por último, o mais impressionante: o skate voador, batizado de hoverboard, no qual Marty faz peripécias em 2015, também foi criado. Em fevereiro do ano passado, a empresa HUVr Tech organizou um evento em Los Angeles, nos Estados Unidos, para demonstrar que a tecnologia do skate voador tornou-se real. O ator Christopher Lloyd, que faz o papel do Dr. Emmett “Doc” Brown no filme, esteve presente. (Veja vídeo abaixo)

Talvez sem saber, “De volta para o futuro II” conseguiu adivinhar como viveríamos nossas vidas hoje em dia. Tomara que, em breve, um novo filme entre em cartaz para imaginar quais invenções vamos usar nos próximos 26 anos.

Matheus Leitão

Matheus Leitão é jornalista há 15 anos. Em sua carreira, passou pelas redações do Correio Braziliense, revista Época, portal iG e Folha de S.Paulo. Matheus recebeu o Prêmio Esso por duas vezes, o Troféu Barbosa Lima Sobrinho -- além de menção honrosa no Vladimir Herzog. Entre 2011 e 2012, esteve na Universidade de Berkeley, na California, como Visiting Scholar.

1 Comentário para "Como o filme “De volta para o futuro II” adiantou as tecnologias que usamos hoje"

Comente

O autor do blog não se responsabiliza pelo comentário.