Joaquim Barbosa não comparece a homenagem no Congresso

04/12/2014 05h30m. Atualizado em 04/12/2014 08h03m

CompartilheShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on FacebookShare on RedditShare on VK

O ex-presidente do Supremo Tribunal Federal Joaquim Barbosa foi escolhido pelo Senado Federal para receber a Comenda Dom Hélder Câmara como personalidade pública que se destacou na defesa dos direitos humanos. Mas Joaquim Barbosa não foi ao Congresso para receber a medalha na manhã desta quarta-feira (3). Também não enviou representante.
Outros cinco homenageados receberam do Congresso a comenda: o deputado estadual do Espírito Santo Claudio Vereza, o secretario Nacional de Justiça, Paulo Abrão Pires Junior, o governador interino de Roraima, Francisco de Sales Guerra Neto, e os religiosos Dom Orani Tempesta e Dom Mauro Morelli.
O Senado fez ainda uma homenagem póstuma à médica, sanitarista e fundadora da Pastoral da Criança Zilda Arns.
Dom Mauro Morelli, em nome dos agraciados, pediu ampliação nos recursos para educação e nutrição no Brasil. “Sinto que o Brasil precisa se desenvolver de baixo para cima. Um povo saudável e inteligente e participativo é fundamental para a democracia”, afirmou.

Matheus Leitão

Matheus Leitão é jornalista há 15 anos. Em sua carreira, passou pelas redações do Correio Braziliense, revista Época, portal iG e Folha de S.Paulo. Matheus recebeu o Prêmio Esso por duas vezes, o Troféu Barbosa Lima Sobrinho -- além de menção honrosa no Vladimir Herzog. Entre 2011 e 2012, esteve na Universidade de Berkeley, na California, como Visiting Scholar.

1 Comentário para "Joaquim Barbosa não comparece a homenagem no Congresso"

  • maria cecilia gomes 06-12-2014 (7:16 pm)

    Joaquim barbosa é coerente e não quiz receber a homenagem no Senado onde a maioria foi comprada pela presidente Dilma e trocaram a responsabilidade por um punhado de moedas…. Muito bem Joaquim Barbosa.

Comente

O autor do blog não se responsabiliza pelo comentário.