Foca sortuda sobrevive a ataque de tubarão-branco

02/12/2014 17h12m. Atualizado em 09/12/2014 21h11m

CompartilheShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on FacebookShare on RedditShare on VK

Uma foca (talvez a mais sortuda do mundo!) foi flagrada fugindo do ataque de um tubarão-branco em Cape Town, na África do Sul.
O registro inusitado foi feito em Seal Island, ilha dentro do chamado “Anel da Morte”, com aproximadamente 3 quilômetros de diâmetro, que concentra uma grande quantidade de tubarões brancos no inverno.
Nesta época do ano, a população de focas atinge seu ápice e muitos desses predadores migram pra lá em busca de alimento. A técnica usada pelos tubarões é saltar para fora d’água e jogar suas presas para o alto, para capturá-las.
Todavia, desta vez não deu certo. A imagem (veja acima) mostra que a foca escapou milagrosamente do ataque.
O fotógrafo Sérgio Riccardo, responsável pelo registro, declarou ao jornal Daily Mail nesta quinta-feira (27) que existem aproximadamente 70 mil focas em Seal Island nesta época do ano, o que as torna alvo de ataques dos tubarões.
“Eu fiquei feliz em ver que a foca sobreviveu ao ataque na ocasião”, disse Sérgio, mergulhador profissional especializado em fotografias de animais no fundo do mar, à publicação.
A impressionante foto mostra que a foca escapou por poucos centímetros do grande predador.
A página oficial de Sérgio Riccardo no Facebook revela que ele não tira imagens somente do tubarão- branco. Uma linda foto de um tubarão-limão, em um por do sol, foi publicada recentemente. Veja abaixo:

Sérgio Riccardo

Sérgio Riccardo

Matheus Leitão

Matheus Leitão é jornalista há 15 anos. Em sua carreira, passou pelas redações do Correio Braziliense, revista Época, portal iG e Folha de S.Paulo. Matheus recebeu o Prêmio Esso por duas vezes, o Troféu Barbosa Lima Sobrinho -- além de menção honrosa no Vladimir Herzog. Entre 2011 e 2012, esteve na Universidade de Berkeley, na California, como Visiting Scholar.