Elefantes demostram insatisfação com assédio das câmeras

29/11/2014 23h16m. Atualizado em 30/11/2014 08h04m

CompartilheShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on FacebookShare on RedditShare on VK

Dois elefantes do Parque Nacional de Hwange, na África, atacaram uma câmera GoPro instalada pelo fotógrafo alemão Mike Myers, com o objetivo de registrar cenas de uma manada.
Mesmo sendo um equipamento de tamanho pequeno, o que poderia ser imperceptível, esses animais de visão limitada não ignoraram a colocação do mesmo em sua área de domínio.
Em vídeo publicado neste domingo (23) na rede social youtube, os paquidermes aparecem pisando na máquina, com aparente irritação devido a interferência humana em seu habitat.
Todavia, Myers conseguiu aproveitar o registro da cena.
O Parque Hwange é considerado uma das melhores reservas naturais do Zimbábue. Área de preservação ambiental no continente africano, oferece razoável infra-estrutura, como um aeroporto e estradas bem conservadas. O parque tem leões, leopardos, rinocerontes e búfalos, além dos elefantes. São os chamados “Big Five”. Hwange tem também aproximadamente 400 espécies de pássaros.
A gravação revela duas mensagens: os paquidermes não gostaram da intromissão e a câmera GoPro apresentou boa resistência ao ser pisada por um elefante. A imagem fica bastante borrada no fim. Assista ao vídeo:

Matheus Leitão

Matheus Leitão é jornalista há 15 anos. Em sua carreira, passou pelas redações do Correio Braziliense, revista Época, portal iG e Folha de S.Paulo. Matheus recebeu o Prêmio Esso por duas vezes, o Troféu Barbosa Lima Sobrinho -- além de menção honrosa no Vladimir Herzog. Entre 2011 e 2012, esteve na Universidade de Berkeley, na California, como Visiting Scholar.

    Comente

    O autor do blog não se responsabiliza pelo comentário.