Primeiro ‘selfie’ da história foi tirado em 1839 por Robert Cornelius

07/11/2014 20h22m. Atualizado em 09/12/2014 21h18m

CompartilheShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on FacebookShare on RedditShare on VK

Se você pensa que a ideia de fazer um ‘selfie’ surgiu junto com o smartphone é porque não conhece a história de Robert Cornelius. Em outubro ou novembro de 1839, Robert Cornelius tinha cerca de 30 anos, quando montou sua própria câmera fotográfica na parte de trás da loja de lâmpadas de seu pai, na Filadélfia (EUA). Ele definiu um cenário, removeu a tampa da lente, correu para a frente da máquina, ficou imóvel por cinco minutos antes de disparar e substituir a tampa da lente. Foi assim que surgiu o primeiro autorretrato que se tem notícia na história da humanidade.
Satisfeito com o resultado do primeiro ‘selfie’, Robert Cornellius tornou-se um fotógrafo especializado em retratos, mas só conseguiu manter o negócio durante dois anos, quando teve que voltar ajudar o pai na fábrica de lâmpadas. Robert Cornellius também era um bom químico e conseguiu desenvolver muitas patentes para a melhoria dos projetos de iluminação. A fábrica do pai virou a maior empresa de iluminação da América e Robert Cornelius tornou-se um homem rico. Ele morreu em 1893, aos 84 anos.
A história foi contada pelo site Mashable, especializado em tecnologia. Com 50 milhões de pageviews mensais, o Mashable foi eleito um dos 25 melhores em 2009 pela revista “Time”.

Matheus Leitão

Matheus Leitão é jornalista há 15 anos. Em sua carreira, passou pelas redações do Correio Braziliense, revista Época, portal iG e Folha de S.Paulo. Matheus recebeu o Prêmio Esso por duas vezes, o Troféu Barbosa Lima Sobrinho -- além de menção honrosa no Vladimir Herzog. Entre 2011 e 2012, esteve na Universidade de Berkeley, na California, como Visiting Scholar.

    Comente

    O autor do blog não se responsabiliza pelo comentário.