Petrobras anuncia petróleo em Libra, mas ações da estatal despencam 12%

27/10/2014 17h06m. Atualizado em 28/10/2014 08h04m

CompartilheShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on FacebookShare on RedditShare on VK

A Petrobras anunciou, na manhã desta segunda-feira (27), a comprovação da descoberta de petróleo de boa qualidade no poço de Libra, na Bacia de Santos, a cerca de 170 quilômetros (km) da costa do estado do Rio de Janeiro. O anúncio, no entanto, não foi o bastante para conter a reação do mercado ao resultado das eleições presidenciais de 2014.
A Bolsa de Valores de São São Paulo (Bovespa) opera em queda no dia seguinte à reeleição da presidente Dilma Rousseff. As ações da Petrobras despencavam mais de 12% no início da tarde da segunda.
A credibilidade da maior empresa do Brasil, a Petrobras, está abalada, com sucessivas denúncias de superfaturamento em obras envolvendo a instituição e de pagamento a propinas envolvendo políticos e partidos.
O valor pago pela Petrobras na compra de refinaria de petróleo em Pasadena, Texas (EUA), em 2006, levantou suspeitas de sobrepreço e evasão de divisas na negociação. Auditoria em andamento do Tribunal de Contas da União (TCU) investiga obras na Refinaria Abreu e Lima, em Pernambuco.
Enquanto a compra de Pasadena ainda era investigada, a operação Lava-Jato da Polícia Federal desvendou um suposto esquema de pagamento de propinas a políticos com dinheiro da Petrobras, cujas proporções ainda não podem ser calculadas.

Matheus Leitão

Matheus Leitão é jornalista há 15 anos. Em sua carreira, passou pelas redações do Correio Braziliense, revista Época, portal iG e Folha de S.Paulo. Matheus recebeu o Prêmio Esso por duas vezes, o Troféu Barbosa Lima Sobrinho -- além de menção honrosa no Vladimir Herzog. Entre 2011 e 2012, esteve na Universidade de Berkeley, na California, como Visiting Scholar.

    Comente

    O autor do blog não se responsabiliza pelo comentário.